Ministério da Justiça notifica operadoras por alienação de carteira de planos de saúde

A medida visa a proteger os mais de 160 mil usuários envolvidos dos prejuízos que a alienação pode acarretar.

O Ministério da Justiça notificou as operadoras de planos de saúde Golden Cross e a Unimed-Rio para que prestem esclarecimentos, dentro do prazo de 72 horas, sobre a alienação da carteira de planos de saúde individuais e familiares. A medida visa a proteger os mais de 160 mil usuários envolvidos dos prejuízos que a alienação pode acarretar. A informação foi divulgada quinta dia (10).

 

O Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor (DPDC) também solicitou informações à Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) para obter mais detalhes sobre os processos que autorizaram a alienação da carteira, além das exigências e garantias prestadas pelas operadoras envolvidas. As notificações e ofícios solicitam que os esclarecimentos sejam respondidos em caráter de urgência.

 

Em nota, a Golden Cross informou que recebeu notificação de esclarecimentos do Ministério da Justiça e irá fornecer todas as informações, conforme solicitado. A operadora ressalta ainda que a migração da carteira de clientes individuais e familiares para a Unimed-Rio foi aprovada pelo Cade e pela ANS. A Unimed-Rio também informou, em nota, que vai prestar todos os esclarecimentos solicitados ao Ministério da Justiça e que está seguindo todas as determinações da ANS.

 

A operadora está trabalhando sem medir esforços para esclarecer as dúvidas dos clientes nesse momento de transição.

 

 

Fonte: diariodepernambuco.com.br

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

icon email mobile
icon mobile telefone
icon whatsapp mobile